007

1 VOCÊ TEM QUE REALMENTE CORTAR OS CARBOIDRATOS

A dieta recomenda uma proporção de 4: 1 de gordura para carboidratos. Isso significa que cerca de 5% a 10% do total de calorias diárias podem vir de carboidratos. No entanto, a pessoa média consome quase metade de suas calorias de carboidratos, de acordo com o National Center for Health Statistics. Isso reduz consideravelmente os carboidratos para menos de 40-50 gramas espalhados por um dia inteiro. Isso significa eliminar grãos, açúcar, frutas e legumes específicos.

2 SUA PROTEÍNA NÃO PODE SER EXAGERADA

A dieta recomenda proteína cerca de 20% de sua ingestão calórica diária, o que pode ser uma quantidade adequada para alguns. A dieta é rica em gordura saturada, e pesquisas sugerem que essas dietas podem aumentar o risco de doenças cardíacas. Embora a gordura deva mantê-lo saciado, se você comer demais, você pode cancelar qualquer benefício em potencial para perda de peso.

3-SUPLEMENTOS SÃO OBRIGATÓRIOS

Suplementação com vitaminas e minerais é uma necessidade absoluta para este tipo de dieta, Gorduras puras como o óleo de coco, azeite e manteiga e muitas outras gorduras que compõem a base de uma dieta ceto não são ótimas fontes de vitaminas. Seu corpo está usando esses nutrientes constantemente, mas eles não estão sendo totalmente substituídos. Você também está perdendo antioxidantes benéficos em frutas e verduras, que têm sido associados a uma diminuição do risco de câncer, doenças cardíacas e outras condições.

4-OS EFEITOS SECUNDÁRIOS PODEM SER DESAGRADÁVEIS

Prisão de ventre, mau hálito e tontura são apenas alguns dos efeitos colaterais do consumo de carboidratos. Sem carboidratos, as dietas podem ficar pobres em fibras e ter problemas digestivos. É recomendável incluir chia e sementes de linhaça, coco, nozes e legumes com baixo teor de carboidratos em cada refeição.

5-SEU INTESTINO PODE SOFRER

Também é difícil incluir alimentos probióticos como cebola, alho, banana e aveia em uma dieta muito pobre em carboidratos e rica em gordura. Esses alimentos estimulam o bom crescimento de bactérias que sustentam nossa saúde intestinal, que está ligada à nossa saúde geral .

6-OS EXERCÍCIOS PODEM SER MAIS CANSATIVOS

A dieta cetogenica não mostra uma vantagem de desempenho para os atletas, especialmente em esportes que dependem do combustível que você já armazenou em seus músculos como glicogênio . Não-atletas também podem não ter energia para se exercitar no seu melhor, Carboidratos são o tipo preferido de combustível para o corpo, então sem eles seu treino pode sofrer.

7-A VIDA SOCIAL PODE SER DESAFIADORA

Isso pode afetar sua vida social, especialmente quando tantos eventos giram em torno da comida incluindo bebidas alccolicas

8-COZINHAR É UMA BOA IDÉIA

Comer fora pode ser um desafio na dieta cetogênica, uma vez que impede alimentos comuns como pão, macarrão, arroz, ketchup e muitos outros. Além disso, a maioria dos alimentos industrializados não é compatível com esta dieta

9-VOCÊ PRECISA DE VERIFICAÇÕES REGULARES DO COLESTEROL

Ainda não se sabe se uma dieta cetogênica é benéfica ou prejudicial aos níveis de colesterol, então você deve realizar um perfil lipídico em jejum antes de iniciar a dieta e três meses depois, se você pretende continuar.

10-RESUMINDO

A dieta cetogênica é muito restritiva e exige muito empenho para obter os nutrientes necessários para a saúde. Em geral não é recomendável para perda de peso saudável a longo prazo.
006