Autofagia E Jejum – A Melhor Coisa Sobre Jejum Intermitente

Autofagia E Jejum

Autofagia E Jejum – A Melhor Coisa Sobre Jejum Intermitente

Autofagia limpa e desintoxica nossas células. A autofagia ou autofagocitose (de autogamous auth “self”, phagein “eat” e cytos “cell”) é um dos processos mais importantes no corpo humano para manter as células saudáveis ​​e eficientes. É um tipo de programa auto-digestivo que limpa e desintoxica as células.

Em termos de técnica, a autofagia é um processo intracelular em que o material citosólico derivado de células, como proteínas dobradas ou organelas de células danificadas, é discriminado. Autofagia é um componente elementar do controle de qualidade celular e essencial para manter a funcionalidade de uma célula.

O pesquisador Frank Madeo descreve o processo de autofagia da seguinte forma: quando as células estão expostas à falta de alimentos, eles digerem tudo o que não é necessário. As células são capazes de converter este “desperdício celular” em energia, que posteriormente disponibilizam o corpo novamente. O termo para isso é apenas aquela autofagia, através da qual um tipo de componentes celulares prejudiciais de “auto-canibalismo” são reciclados. Por sinal, a autofagia é abrandada pelo aumento constante dos níveis de insulina causada por dietas ricas em carboidratos (especialmente açúcar, farinha branca, arroz e batatas). Isso pode levar a doenças graves como câncer, arteriosclerose ou doença de Alzheimer!

Como você pode acelerar a autofagia?

  • Dieta reduzida de carboidratos / açúcar reduzido
  • Restrição de calorias (déficit calórico menor crônico em dietas ricas em nutrientes)
  • Treinamento de força e HIIT (treinamento intensivo leva a lesões leves nos músculos e tecidos, o que promove auto-cura e limpeza.
  • Café

O jejum desencadeia autofagia

O descarte de lixo celular é desencadeado especialmente durante jejum controlado. Os cientistas foram capazes de identificar dietas que ativam os efeitos moleculares do jejum, mesmo que você coma. Ou seja, não é necessário acelerar vários dias para induzir autofagia.

O jejum intermitente (jejum temporário, por exemplo, com um jantar precoce e um pequeno-almoço tardio) é suficiente para estimular a autofagia. Se você beber café pela manhã (NÃO à noite), a autofagia é intensificada. Os cientistas confirmam que “dentro de uma a quatro horas após o consumo de café (…) nos organismos modelo, a autofagia celular de todos os órgãos examinados – fígado, músculo esquelético e coração – foi bastante estimulada”. O efeito é, aliás, independente se o café é cafeína ou descafeinado.

A estimulação da autofagia não parece ser a própria cafeína. Os cientistas sabem que o efeito vem dos fitoquímicos (polifenóis).

Café sem leite e sem açúcar Cappuccino De Milho De Amêndoa – Comida Pura De Romy Dollé

Os dois cientistas Univ.-Prof. Dr. Frank Madeo e dr. Christoph Ruckenstuhl, do Instituto de Biociências Moleculares da Universidade de Graz, mostrou que o café promove autofagia.

O que os pesquisadores descobriram também é que as proteínas animais (por exemplo, o leite de vaca) no café inibem a limpeza celular (autofagia). As alternativas à base de plantas, como o leite de amêndoa, não têm efeito na autofagia. Sua recomendação: “Beba café com consciência limpa, mas preferivelmente preto ou com leite vegetal, como amêndoas ou leite de coco”.

Atenção: durante a fase de jejum, no entanto, qualquer carboidrato deve ser evitado para permanecer no metabolismo da gordura.

Conheça o livro 101 receitas low carb para te ajudar a perder peso

 

 

 
%d blogueiros gostam disto: