Não há dúvidas que todos vão adorar a receita de torta salgada low carb. É um prato muito saudável e gostoso também, com ingredientes muito fáceis de se encontrar ou talvez você já até possua eles em sua casa. Confira a receita low carb!

Veja também:

Livro 101 receitas com 3 bônus (manual low carb, jejum intermitente e exercícios para fazer em casa).

Receita de Torta salgada Low Carb | Ingredientes

1 abobrinhas médias, raladas na parte grossa do ralador

1 ovo grande

2 colheres (sopa) de farinha de amêndoa

Recheio de frango desfiado e temperado

Requeijão a gosto

1 pitada de sal

Receita de Torta salgada Low Carb

Receita de Torta salgada Low Carb | Modo de fazer

Pré aqueça o orno a 200 graus.

Tire a água da abobrinha ralada envolvida em um pano e em seguida é só torcer para que a água seja extraída.

Acrescente o ovo e a farinha na abobrinha ralada e misture bem.

Receita de Torta salgada Low Carb

Agora em um bowl que possa ser levado ao forno, faça uma camada com a abobrinha, uma camada com o recheio de sua preferência, agora uma fina camada de requeijão, novamente uma camada de abobrinha e para finalizar uma camada de queijo provolone e leve ao forno para assar por aproximadamente 35 minutos.

Receita de Torta salgada Low Carb

Receita de Torta salgada Low Carb

Receita de Torta salgada Low Carb | Benefícios

A abobrinha esconde muitos benefícios a saúde. Um deles é a capacidade de controlar a hipertensão, graças à grande quantidade de potássio. O potássio garante a elasticidade das artérias, contribuindo para que a pressão arterial fique equilibrada.

Esse alimento é também um aliado do coração e dá forcinha extra aos ossos. E a gente pensando que ela era o legume mais sem graça do mundo.

Presente no cardápio de muitos Brasileiros e de muitos Libaneses, a abobrinha é muito apreciada pelo seu sabor, pela sua textura leve e por ser um alimento de baixo valor calórico – 100g oferece cerca de 19 kcal. Além disto, é rica em niacina e fonte de vitaminas do complexo B e vitamina A. Potássio, fósforo, cálcio, sódio e magnésio.

Geralmente as abobrinhas são consumidas cruas em saladas, como também cozidas, refogadas, assadas, grelhadas, fritas e incorporadas em outras receitas para o preparo de suflês, pudins, doces, etc. Por ser uma excelente fonte de fibras e por conter grandes quantidades de água em sua composição cerca de 90%, a abobrinha é um alimento de fácil digestão e muito utilizado pra regular o funcionamento do intestino. Também é um ótimo alimento para controlar enjôos e tem ação vermífuga.

Conheça o livro 101 receitas low carb para te ajudar a perder peso